Irlanda - Intercâmbio sem agência

O Diego, nosso colaborador da Irlanda, fez um post COMPLETÁSSO de como fazer um intercâmbio para a Irlanda sem agência!

 Vem ver!?

--

 Olá tudo bem?

Me chamo Diego, mas pode me chamar apenas de Di.

Bom recentemente realizei meu intercâmbio em Dublin , na Irlanda, assim como muitos, eu, desde muito cedo, pensei em fazer um intercâmbio, para aprender um novo idioma e viver essa experiência que é o intercâmbio.

Aqui estou para dar minha opinião quanto a fechar com agências ou por conta própria. Calma amigão, conclua a leitura e depois deixe sua opinião, vou adorar saber!

 Eu planejei meu intercâmbio com um ano de antecedência. Fechei com uma agência por questões simples: minha primeira viagem em um país novo  e eu queria ter alguém para gritar caso encontrasse algum problema, como encontrei.

 Claro que aqui em Dublin, todos os perrengues que passei eu mesmo tive que resolver por mais que implorasse a agência por um help: nada e mais nada... dias e mais dias esperando alguém se pronunciar.

 Por isso, na minha opinião, é perfeitamente possível realizar um intercâmbio para a Irlanda por conta própria.

 Atenção nessa lista!!!

 Como algumas coisas mudaram, agora se pode pegar visto de no máximo 8 meses em que 6 serão de estudos e 2 de holiday (férias).

 Ou seja, você precisa:

1 - Seguro saúde (vou explicar um detalhe logo a abaixo)

2-  Passagem ida e volta

 3- Comprar o Curso

 Você pode e deve pesquisar muito sobre que curso quer fazer. Minha dica é: procure pelas escolas do governo irlandês. São mais caras, mais tradicionais e quase nunca tem brasileiros. Esqueça a possibilidade de não encontrar nativos.

Brasileiros em sala de aula ou nas ruas aqui é igual grama em todo lugar tem e não precisa nem molhar.

 Escolas mais tradicionais geralmente não são divulgadas em mídias, isso porque os irlandeses não tem esse costume....

Indicaria a IBAT e a ECM.

As escolas que chegam no Brasil tem um marketing muito bom mas não necessariamente são as melhores.

 4 - Escolher a residência

 Esse é para mim o grande problema de Dublin. O aluguel aqui é o mais caro da Europa e, como todos sabem que estudantes chegam todos os dias, você tem que correr muito pra encontrar uma vaga próxima a D1 reagia onde todas as escolas ficam.

 Regiões mais afastadas não são ruins mas se você estuda pela manhã e mora longe vai ter que acordar cedo depender de ônibus e se pegar ônibus todos os dias prepara o bolso serão 100 euros. Bem caro.

Use e abuse dos grupos do facebook onde a guerra toda acontece. Boa sorte lá. Essa parte é a mais complicada mas todo mundo arruma.

 5-Seguro Saúde

 Quando você compra o curso da escola, ela própria te dá um seguro governamental. Isso é regra do governo local. Mas minha dica é: faça um seguro particular, pois pode ser muito necessário, ainda mais se for passar bastante tempo no país.

6- Passagem

 As agências conseguem desconto de passagem para estudante, mas se você vai por conta própria, pode economizar seguindo as dicas desse post aqui: Sete dicas para comprar passagens mais em conta

 8- Dinheiro

 O governo irlandês exige que se leve no mínimo 3 mil euros para passar os 8 meses de visto. Na minha opinião, 3 mil euros duram cerca de três meses e meio. . E para quem for vir com namorada(o), esposa(o), por favor, gente, no mínimo 3 mil pra cada, não façam aquela coisa de tratarem apenas 3 mil para os dois! É a maior burrada que se pode fazer, nunca façam !!!

E é isso.

Se você se sente seguro e quer fazer tudo por conta, acabarár economizando, sem dúvida, mas, se não f,or bem feito esse planejamento, corra para uma agência e lá eles irão te dar tudo “mastigado”.

O fato é que longe do Brasil, você tem que saber se virar e se você não sabe, acredite, você aprende.

9 thoughts on “Irlanda - Intercâmbio sem agência

  1. Olá gostei do seu comentário. Estou querendo fazer um intercambio em Dublin, pensei ir sem agência para economizar. Mas fico um pouco receosa.

    1. Oi, bom dia! super entendemos.. estar em outro país da sempre um medinho, e a agência passa uma maior segurança. Mas conheço pessoas que viajaram pelo Working Abroad, e gostaram da experiência. Além disso, duas das blogureiras já foram pela AIESEC, de forma que recomendamos muito a organização pois foi ótima a nossa viagem!Saiba mais sobre uma das nossas experiências aqui - http://www.nopasanada.com.br/intercambio-e-tudo-aquilo-que-eu-gostaria-que-tivessem-me-contado-parte-ii/

  2. Muito bom o post!!

    No item 5, quando diz "Mas minha dica é: faça um seguro particular, pois pode ser muito necessário, ainda mais se for passar bastante tempo no país." , estou planejando ir ano que vem, em MAIO/18, e gostaria de saber, como faço pra fazer um seguro saúde particular sem agência.

    sou muito leiga ainda no assunto..rs

    Obrigada!

    1. Oi, que bom que voce gostou! Nós recomendamos a Assist Card (www.assistcard.com) mas existem outras agências que fazem seguro também!Vale a pena dar uma olhada no que elas cobrem e nos valores (:

  3. OI, LI E RELI SEU ARTIGO ESTOU ME PLANEJANDO PARA IR PARA DUBLIN EM JULHO DO ANO QUE VEM MAIS JÁ ESTOU PESQUISANDO, TIRANDO DUVIDAS E LENDO TUDO QUE EU VEJO SOBRE INTERCAMBIO NA IRLANDA GOSTEI MUITO DO SEU POST FOI MUITO ÚTIL AS SUAS INFORMAÇÕES POIS INFORMAÇÕES DE QUEM JÁ VIVENCIOU ESSA EXPERIENCIA E TOTALMENTE VALIDA. PARABÉNS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *